8.24.2014

Para um jantar informal...


...  para preparar uma festa com antecedência...



...para congelar e servir para umas visitas inesperadas...

  
Preparação rápida e com os ingredientes de estação.






Ingredientes:

1 embalagem de massa tenra fresca
1 alho francês cortado em rodelas muito finas
1 embalagem de cogumelos
1 pequeno frasco de azeitonas sem caroço
1 molho de tomate a gosto
1 2 fatias de salpicão
1 mozzarela  
salada a gosto

Coloca-se o primeiro rolo da massa numa forma que possa ser usada para levar à mesa sobre o qual se vão colocando os ingredientes em camadas sobrepostas. Cobre-se com o segundo rolo, fecham-se os bordos e pica-se a superfície com um garfo.  É preferível deixar repousar uns momentos antes de servir.

Post scriptum:
Nos últimos meses tenho visitado muito pouco os blogs que sigo. Raramente deixei comentários e, quando o fiz, poucas palavras deixei. Quero expressar a minha gratidão pelos amigos que me têm contactado ou deixado comentários que revelam preocupação por isso. Infelizmente, passei tempos muito difíceis que culminaram com a perda do meu pai e, por isso, não tenho conseguido dedicar-me aos meus passatempos como o fazia antigamente. Vou tentar fazê-lo com maior regularidade e retribuir o carinho recebido. Bem hajam. 
helena



7.20.2014

 
 





Esta flor de cacto floriu nestes dias de grande sofrimento. Oxalá possa ser de bom augúrio. Mal possa, passarei a retribuir as visitas e a ler os vossos post.  

7.16.2014

Cegonhas






O meu quintal tem dois novos inquilinos: duas cegonhas que planeiam fazer ninho nos fios de alta tensão.

7.09.2014

mudar, mudar, mudar









 
 
 
 
 
Uma camisola, comprada por menos de dois euros, foi alterada com umas flores de crochet e de tecido, uns botões e a fita com que vinha atada. O que não se faz para manter as mãos ocupadas e a mente mais ligeira!  

7.08.2014

Pudim facílimo

,

Nada como um doce rápido de fazer e muito bom para levantar o ânimo:

5 ovos
1 lata de leite condensado magro
2 medidas da lata de leite magro
150 gramas de chocolate preto derretido (1 minuto no micro-ondas com uma colher de sopa de água)

Forra-se a forma com caramelo (ou manteiga).
Batem-se todos os ingredientes que se colocam na forma.
Coloca-se a forma dentro de um tabuleiro com um dedo de água de altura e deixa-se cozer durante 45 minutos a 180 graus.
Deve-se experimentar com um palito para verificar se se deve aumentar o tempo de cozedura.
Desenforma-se frio!

Bom apetite1

6.16.2014

Nívea personalizada.



As prendas dadas por uma filha são sempre fantásticas. A minha surpreende-me mesmo, e sobretudo, fora das datas habituais. 
Este fim de semana, chegou carregada como um pai Natal.  Para além de várias livros comprados (e todos autografados) na Feira do Livro de Lisboa, apareceu-me com esta lata de Nívea que mandou personalizar com uma foto nossa e tirada pelo pai há mais de 20 anos.

6.05.2014

Cerejas




     A zona onde vivo nunca foi muito propícia ao cultivo das cerejeiras, mas eu gosto de árvores e, mesmo sabendo que raramente iria comer os frutos que constituem uma enorme tentação para as centenas de aves que por aqui vivem, plantámos cinco árvores, há uma dezena de anos.
    Terá sido o espanta espíritos que coloquei numa das árvores ou a quantidade de pão com que chamamos os pássaros, a verdade é que a colheita foi razoável. A cor não é a mais bonita, mas o sabor... 
     Os pedúnculos foram guardados em lugar seco e serão usados para o " chá de pés de cereja" que, segundo os entendidos, é uma excelente bebida que traz benefícios para as vias urinárias, é diurético, drenante e anti-infeccioso. Isso não posso garantir, mas é saboroso!


5.17.2014

Sapateira

 
 A minha filha é uma blogger como eu. Para além de manter com uma amiga, o  Flames , onde apresentam livros, filmes e afins, tem um outro blog onde fala também dos seus trabalhos. O último foi uma sapateira feita para utilizar os inúmeros garrafões de água que carrega até ao sotão onde vive em Coimbra. Se quiserem copiar a ideia cliquem aqui: http://encroixyable.blogspot.pt/

Bom domingo!

5.16.2014

tarte de espinafres e requeijão


Uma receita feita para mimar alguém quando se tem muito pouco tempo.

1 rolo de massa quebrada
2 embalagens de espinafres prontos a usar
2 requeijões frescos
2 ovos batidos
1 fatia de presunto para cada comensal

5 minutos de preparação + 10 minutos no forno.

Colocam-se os espinafres num tacho largo com umas duas colheres de água, tapam-se e deixam-se uns minutos até diminuírem de volume. 

Forra-se um pirex com uma folha  de papel de ir ao forno. Desenrola-se a massa e, sobre ela, colocam-se os espinafres, o requeijão e dois ovos batidos. Não uso sal nem outros condimentos.
Leva-se ao forno 10 minutos (ou até dourar por cima).  Retira do forno, deixa-se amornar, corta-se e serve-se com uma fatia de presunto por prato.
Bom apetite.

4.24.2014

Auto da Barca do Inferno, Jerónimos e pastéis

Aviso que estas fotografias foram tiradas com o telemóvel e com o olhar mais atento aos alunos que estavam ao meu cuidado do que ao enquadramento...
 
 Entrámos nos Jerónimos e,simultaneamente, no ambiente do século XVI, para assistir à representação do "Auto da Barca do Inferno" de Gil Vicente.


Não é a primeira vez que acompanho alunos do nono ano  a este  espetáculo. De cada vez, nova emoção, enorme alegria. O diabo é genial!
 Todas as outras personagens estiveram, igualmente, à altura do texto vicentino.

 O anjo modernizou-se, mas não perdeu o encanto, a candura.






Até à próxima visita, Jerónimos. E os pastéis? Comeram-se ainda quentinhos, com canela como manda a regra.

4.01.2014

Sob a chuva







No jardim da minha mãe e num dia de chuva intensa, fotografei  uma enorme planta de jasmim. O cheiro é estupendo. Pelo menos, por ali, a Primavera sente-se.